R$ 34,99

Aceitamos pagamentos via transferência bancária ou boleto

pexels-cottonbro-4065906.jpg

INSCRIÇÕES ABERTAS

Carga horária: 6 horas       Certificação: Inclusa

Datas: 12/08 - Módulo 1     Horário: 19h - 20h30min

            13/08 - Módulo 2                   (1 hora de aula + 30 minutos para dúvidas)         

            17/08 - Módulo 3

            18/08 - Módulo 4

R$ 34,99

Aceitamos pagamentos via transferência bancária ou boleto

   Nos últimos anos, a AT&T, a maior empresa de telecomunicações do mundo, gastou US$ 874 milhões em reparos depois de desastres naturais os quais a empresa associa à mudança climática. A Swiss Re, gigante suíça no ramo de seguros, está amargando o aumento de pagamentos de apólices de danos causados por eventos climáticos extremos - tendência esta que o CEO Christian Mumenthaler atribui ao aumento das temperaturas globais. Se não dermos caráter de urgência no trato com as questões climáticas, observa Mark Carney, diretor do Banco da Inglaterra, haverá falência das organizações e maior probabilidade de colapso econômico sistêmico.


   Os líderes corporativos estão finalmente percebendo a gravidade do problema. Praticamente todas as grandes empresas têm planos e ações bem elaborados para reduzir as emissões de carbono e estão tomando as devidas providências. Porém, dados críticos de relatórios das Nações Unidas, evidenciam que a escalada da crise climática e ecológica continua sem precedentes, mostrando que os esforços atuais são lamentavelmente insuficientes. 


   Essas ações podem parecer pouco naturais para alguns executivos, uma vez que parecem sobrepor interesses maiores aos lucros imediatos dos acionistas, contudo, a maré está mudando na própria ideia de primazia do acionista. As 200 maiores multinacionais instaladas nos Estados Unidos declararam recentemente à Business Roundtable que seu foco já não será apenas os acionistas ou o lucro de curto prazo. Estamos em um momento caótico em que a crise impõe a sólida conscientização da finalidade social das empresas.

 
   Atualmente, os stakeholders (interessados), sobretudo consumidores e funcionários, exigem padrões cada vez mais altos das empresas onde trabalham ou das quais compram. Ano após ano os clientes empresariais exigem dos fornecedores mais desempenho em sustentabilidade.    De 2013 a 2018, nota-se que os clientes estão buscando marcas sustentáveis. Cerca de 50% do crescimento das vendas de bens de consumo foi o resultado da comercialização sustentável desses mesmos bens. Uma pesquisa global da Deloitte mostra que até 87% da população com menos de 40 anos acredita que o sucesso das empresas deveria ser medido por outros parâmetros que não os financeiros apenas. E nove em dez membros da geração Z concordam que as empresas têm a obrigação de se envolver nas questões sociais e ambientais.


   Em virtude de pressões como estas e de nefastas previsões, tanto de especialistas em clima, como de instituições globais como as Nações Unidas, os esforços corporativos de reduzir as emissões tornam-se prioritárias, o que faz com que o conhecimento sobre boas práticas empresariais sobre sustentabilidade ambiental, como economia circular oferecida neste curso, seja essencial para se ter uma empresa próspera e competitiva com o mercado atual e futuro.

Economia Linear x Economia Sustentável - Módulo 1

 

   Os atuais sistemas de produção baseados na economia linear são ancorados no princípio de “extrair-produzir-descartar”, de forma que os produtos percorrem uma via de mão única até se tornarem resíduos. Este modelo compromete a capacidade suporte do planeta e gera uma diversidade de problemas ambientais e sociais. A economia circular, ou sustentável, traz uma nova perspectiva sobre os processos produtivos ao gerir o ciclo de vidas dos produtos de acordo com os princípios: preservar e aumentar o capital natural, otimizar a produção de recursos e fomentar a eficácia dos processos. Aprenda exatamente quais são as diferenças entre ambos os conceitos econômicos, e todas as vantagens e benefícios existentes da economia circular.

Modelos de Negócios Sustentáveis - Módulo 2

 

   Os modelos de negócio circulares são inovadores, geram impactos positivos para a economia, meio ambiente e sociedade. Nesse sentido, além de gerar valor para os clientes, visam agregar valor aos stekeholders, uma vez que utilizam como matéria-prima o que antes era considerado lixo. Aqui, você irá entender que os modelos de negócio baseados na economia circular não somente existem, mas funcionam para diversas empresas de primeira escala no mercado: Apple, P&G, Vans e muitas outras. Você terá ciência de como isso é possível, e como tal modelo pode se tornar mais lucrativo do que parece.

Como a Economia Sustentável se aplica na sua realidade - Módulo 3

 

   Ao investir em práticas alinhadas aos princípios da economia circular, as empresas têm a oportunidade de transformar a relação da marca com seus clientes, gerar novas receitas, fortalecer mercados locais com a construção de parcerias mais fortes, além de contribuir para práticas ambientais sustentáveis a longo prazo. O caminho para essa transformação demanda esforço, mas poderá gerar inúmeros benefícios. Saiba como a economia circular pode ser aplicada em negócios de menor escala, por meio de um modelo de negócio bem embasado, que passa por redução de gastos energéticos, de água, reciclagem entre outros aspectos.

Futuras Tendências Sustentáveis - Módulo 4

 

   De acordo com o relatório “Perspectivas Sociais e de Emprego no Mundo” feito pela Organização Internacional do Trabalho, a economia circular movimentará cerca de US$ 1 trilhão na economia mundial pelos próximos 10 anos. Além disso, terá papel importante na criação de mais postos de trabalho e auxiliará a tornar a economia mais resiliente. Entenda quais são as principais tendências sustentáveis para os próximos anos, novos conceitos e ideias acerca de diferentes setores como o setor agropecuário, da moda, do plástico e muito mais.

BÔNUS

Um ebook completo sobre a aplicabilidade da economia circular nas principais cidades do mundo.

download.jpg
Prateleiras

KÁTIA ALVARENGA

"Superou todas as minhas expectativas! Conteúdo diferenciado e totalmente ligado com o que vemos na prática. Investimento que vale a pena!"

 

Telefone

(34) 9 9647-6223

(34) 9 8854-7959

E-mail

Endereço

Universidade Federal de Uberlândia;

Câmpus Umuarama, entre os blocos 2A e 2B;

Avenida Amazonas S/Nº.

Aberto de Segunda à Sexta

08:00 - 18:00

  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • LinkedIn ícone social

WhatsApp

Localização

Copyright Sustenta - Soluções em Engenharia Ambiental - 2020.

Todos os direitos reservados.